Câmara Municipal de Tatuí

PROJETO INCENTIVA “CARONA SOLIDÁRIA” NO MUNICÍPIO

carona

Na segunda-feira, dia 23 de setembro, em sessão extraordinária não remunerada, realizada após a sessão semanal da Câmara de Tatuí, os parlamentares aprovaram projeto de lei de autoria do vereador Nilto José Alves, que institui no município o “Dia da Carona Solidária”, a ser comemorado anualmente, durante o mês de setembro. O objetivo é diminuir o número de carros nas vias, promovendo integração entre pessoas, através do compartilhamento de rotas e veículos, contribuindo para a redução de acidentes e preservação do meio ambiente. Na justificativa, o parlamentar esclarece que a “carona solidária” é o uso compartilhado, em alternância, de um automóvel particular por duas ou mais pessoas, para viajar juntos durante o ‘rush’ para a escola ou trabalho, economizando assim em despesas de viagem, contribuindo para a redução do congestionamento e diminuindo a poluição do ar e a emissão de gases do efeito estufa”. Explica também que “a ‘carona solidária’ é voltada à educação, saúde, socialização e conscientização no trânsito, inclusive com a participação dos órgãos públicos, e pretende incentivar e divulgar a modalidade de pedir e receber carona”. Foram aprovados ainda projetos que denominam logradouros públicos. Ficaram denominadas, respectivamente, de “José Corrêa Antunes”, “Firmo Eleutério” e “Arnaldo Roarelli” as Ruas 22, 30 e 32 do Loteamento “Parque Residencial dos Pássaros” (projetos dos vereadores Jairo Martins, Nilto José Alves e João Éder Alves Miguel). E fica também denominada de “Luiz de Lélis Fogaça Soares” a Rua 3 do Loteamento Residencial “Terras de Tatuí” (projeto do vereador Antonio Marcos de Abreu). Os vereadores aprovaram a seguir projetos que denominam de “Célia Mendes da Silva Fiusa” a creche localizada no Residencial Astória (vereador Jairo Martins), “Professor Jordão do Canto e Silva” o ginásio poliesportivo no Jardim Santa Rita de Cássia (vereador Rodnei Rocha) e “Célia Regina Silva Lourenço” a academia da saúde no Conjunto Residencial “Orlando Lisboa de Almeida” – CDHU (vereador Fábio José Menezes Bueno). Foram aprovados também quatro projetos de decreto legislativo, que outorgam “Títulos de Cidadania”. Os parlamentares aprovaram a entrega de títulos de “Cidadania Emérita” para Aparecida Maria Millen de Miranda e Edson Beltrami (proposituras apresentadas pelo vereador Wladmir Faustino Saporito), de “Cidadania Tatuiana” para Christian Pereira de Camargo e de “Cidadania Benemérita” para o padre Djalma Fernandes de Lima (projetos apresentados pelo parlamentar Alexandre de Jesus Bossolan). De autoria do Executivo, a edilidade aprovou projeto de lei que estabelece um novo plano de custeio mensal para o Regime Próprio de Previdência Social do Município de Tatuí e dispõe sobre as alíquotas destinadas ao RPPS.