Câmara Municipal de Tatuí

(1956 e 1958) - ANTONIO JARBAS VEIGA DE BARROS

antonio jarbasDr. Jarbas nasceu na cidade de Botucatu, no dia 4 de janeiro de 1918, e faleceu em Tatuí, em 10 de agosto de 1978. No seu primeiro casamento, teve cinco filhos, e posteriormente, casou-se com Carlota Franco. Filho do Capitão da Guarda do Imperador, José Elias de Carvalho Barros, e da professora Maria Elisa Veiga de Barros, ele foi aluno do Colégio Arquidiocesano em São Paulo e formou-se médico pela Universidade de São Paulo. Dr. Jarbas também realizou os seguintes cursos: pronto-socorro e atendimento emergencial no Hospital das Clínicas, primeiros socorros para atendimento em frente de batalha (especial para militares), curso epidemiológico no Emílio Ribas e biologia educacional. Foi assistente da Clínica Psiquiátrica da Escola Paulista de Medicina e da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, professor assistente da Faculdade de Medicina de Sorocaba, assistente da Clínica Psiquiátrica do Dr. Ache e médico do Instituto Psiquiátrico do Juqueri. Em Tatuí, exerceu as funções de médico da Santa Casa de Misericórdia, médico da saúde pública, professor catedrático de Psicologia no Instituto de Educação “Barão de Suruí”, vereador e presidente da Câmara Municipal desta cidade. Em São Paulo, Dr. Jarbas foi sócio-fundador do Colégio das Américas, Colégio Monteiro Lobato, Clínica Nossa Senhora da Lapa, Clínica Santana, Clínica Estados Unidos e Laboratório de Análises Clínicas Vieira de Carvalho. Publicou os livros “Técnica de Punção Subocipital” e “Tratados de Biologia”. Foi articulista em revistas especializadas e pesquisador sobre verminoses. Como sanitarista, trabalhou no combate às verminoses no Vale do Parnaíba e em Tatuí. Colaborou com o Instituto Emílio Ribas nas epidemias de meningite e era também bastante requisitado pela Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo no caso do surgimento de outras epidemias.